Criando o clima de Dark Sun

Estou começando duas mesas de Dark Sun, com outra a vista num curto prazo. E acabei me preparando bem para mestrar nesse cenário. Não só ajudou ler o guia de campanha, fazer um podcast sobre o assunto, mas também aproveitei para ler outros materiais e queria compartilhar aqui com vocês.

Foi com esse material que preparei (e estou preparando) as aventuras que comentei no último post. Vamos lá!

Creature Catalog

Usei esse suplemento da 4a edição não só para escolher meus monstros para a campanha, mas também para conhecer a fauna de Athas, e conhecer mais a fundo a história dos reis-bruxos. E criei uma colinha de referência para as partidas, algo como:

  • Anakore: Toupeira Gigante Noturna (Dung DC 19)
  • Baazrag: como um cão, tipo um pulgão, sente (cheira) psionismo (Nature DC 15)
  • Braxat: Trolls/Gigantes psiônicos (Nature DC 24)
  • Dagorran (…)

E por aí vai. Assim, quando quero colocar um urso ou lobo na história, coloco o bicho certo de Dark Sun. 🙂

Dark Sun Campaign Setting do AD&D (Boxed Set)

Essa caixa de Dark Sun é fantástica, foi a que inspirou e divertiu uma geração. Dentro da caixa, tem o Rule Book, que tem as regras para o AD&D. Desse livro, uso quase nada. Mas o outro, the Wanderer’s Journal, é um prato cheio: geografia, sociedade, mapas, monstros e descrições do mundo em quase 100 páginas. Recomendo mesmo, a leitura me ajudou muito a me preparar.

A caixa também tem um conto, uma aventura, novas fichas de monstros, e uma série de cartões que montam a aventura de maneira visual, com excelente imagens de locais, criaturas e mapas. E, claro, o mapa poster. Se tiver acesso à essa caixa, use isso em suas aventuras!

Beyond the Prism Pentad

O mundo de Dark Sun foi atualizado depois do lançamento para o AD&D numa série de aventuras, romances e aventuras. Nesses complementos, o mundo foi mudando: sorcerer-kings caíram, reinos colidiram, artefatos apareceram. E a TSR lançou esse suplemento, pequenininho (34 páginas) dando um resumão geral para quem estava começando a jogar na segunda edição do Dark Sun.

A Wizards of the Coast preferiu ignorar esses eventos na sua versão para a quarta edição, mas isso não quer dizer que você não possa aproveitar o material: tem muito conteúdo bom aqui! Lendo a história dos “NPCs fodões” de Dark Sun, você pode ter excelente idéias do que fazer com seu grupo em Athas.

Psionic Power

Esse livro foi meio ignorado por muitas pessoas, talvez por não gostarem de psionismo, ou por acharem que iam aproveitar tudo dele no D&D Insider. A verdade é que esse suplemento para o D&D 4e tem todo um capítulo detalhando como usar o psionismo nos diversos cenários, incluindo Dark Sun. Dá dicas de organizações e grupos, criaturas, de onde surgiu o conhecimento e mais. Recomendo a leitura também.

Afinal, em Dark Sun, até sapos (que devem ter nomes cheios de x e z e vivem no deserto) atraem moscas com telecinésia.

Até, e rolem 20!

Sobre Daniel Anand

Daniel Anand, engenheiro, pai de gêmeas e velho da Internet. Seu primeiro de RPG foi o GURPS Módulo Básico, 3a edição, 1994. De lá para cá, jogou e mestrou um pouco de tudo, incluindo AD&D, Star Wars d6, Call of Chuthulu, Vampire, GURPS, Werewolf, DC Comics (MEGS), D&D 3-4-5e, d20 Modern, Star Wars d20, Marvel Superheroes, Dragonlance SAGA, Startrek, Alternity, Dread, Ars Magica e atualmente mestro 13th Age. @dsaraujo no twitter

Esta entrada foi publicada em Post e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

9 respostas a Criando o clima de Dark Sun

  1. Edu Trevi disse:

    Meu Dark Sun chegou da Moonshadows ontem. Em breve espero iniciar minha campanha também… Esse cenário é d+! Tem um clima todo diferente… E é meio "hardcore".

  2. Dark Sun ruleia!
    Realmente é útil dar uma estudada na fauna típica. Por não ter lobos e cavalos, às vezes a gente se perde na descrição da cena e esquece os nomes dos bichos.

  3. Cenário incrível, merecia uma tradução da Devir…

  4. Eduardo disse:

    Meu Dark Sun e Creature Catalog chegaram tem 2 semanas! Agradecimento especial a apresentação de vocês. E olha que eu nem jogo D&D (problema que pretendo resolver em breve…)

  5. sembiano disse:

    Amigos,

    Vi isto hoje no twitter e lembrei deste post bacana. nas Novels de Dark Sun rolam umas batalhas entre psiônicos nas respectivas mentes que eu ainda nãi havi visto sendo caracterizada em regra, pois bem, o Greg Bilsband designer da WotC criou um sistema alternativo de batalhas psiônicas como nas novels: http://tinyurl.com/yal85o6

    Com certeza pode enriquecer o seu jogo….

  6. Roberto André Jaburo disse:

    Uma pergunta anand você vai colocar o reporter de campanha aqui como fez com os escamas negras?

  7. Roberto André Jaburo disse:

    Então peço para os jogadores do Anand (se é que eles vão ler isso) que façam isso. Todos os reporters de campanha eram bastante legais de se ler e dava uma idéia de com o rolava os jogos na mesa.

  8. filipe disse:

    Daniel e Davi foram abduzidos… ! !

  9. JIFF - Fortaleza-CE disse:

    Rapaz, ainda tem maluco – como eu – que gosta de Dark Sun!… Fico impressionado e contente. Demais esse `mundo`… Uma vez, li numa revista de RPG: `Se vc estah pensando em ir a Dark Sun com seu paladino de terceiro level, pode esquecer…`
    Fiquei curioso e fui ver o dito ambiente. E era demais…

Os comentários estão encerrados.