Podcast Rolando 20 – Episódio 101 – Iniciando Campanhas

Olá Jogadores e DMs!

Depois de ficar dois meses bloqueado com a produção do Episódio 100, resolvi desistir e voltar a gravar. E desta vez, não só temos de volta Davi Salles quanto uma nova membra recorrente, que já gravou com a gente antes, a Danielle Toste.

Essa semana falamos sobre como iniciar campanhas: como escolher o sistema certo, a sintonia com os jogadores, e problemas comuns enfrentados.

Esse episódio foi gravado ao vivo no nosso canal do YouTubeparticipe! Gravamos as 9:30pm, todas as sextas feiras. Avisamos também no nosso twitter, o @rolando20.

E se você gosta de Dungeons & Dragons e RPG em geral, não deixe de compartilhar o Rolando 20 no Facebook ! Vocês podem nos ajudar comprando Dungeons and Dragons na Amazon, PDFs na Dungeon Master Guild ou ajudar diretamente e ser nosso patrono!

Voltamos em duas semanas com mais um episódio! Assine nosso feed, também estamos no iTunes e na Play Store.

E deixe aí embaixo as suas dicas para iniciar campanhas!

Sobre Daniel Anand

Daniel Anand, engenheiro, pai de gêmeas e velho da Internet. Seu primeiro de RPG foi o GURPS Módulo Básico, 3a edição, 1994. De lá para cá, jogou e mestrou um pouco de tudo, incluindo AD&D, Star Wars d6, Call of Chuthulu, Vampire, GURPS, Werewolf, DC Comics (MEGS), D&D 3-4-5e, d20 Modern, Star Wars d20, Marvel Superheroes, Dragonlance SAGA, Startrek, Alternity, Dread, Ars Magica e atualmente mestro 13th Age. @dsaraujo no twitter

Esta entrada foi publicada em Podcast e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

6 respostas a Podcast Rolando 20 – Episódio 101 – Iniciando Campanhas

  1. Daniel Leinad disse:

    Agradeço o esclarecimento no começo do Cast.
    Quando apareceu “episódio CENTO e UM” no meu player de podcasts pensei que tinha perdido algum episódio! rs

    Gostei da ideia de colocar “sessões/temas” dentro do Podcast, ficou mais dinâmico!

    Abraço, xará!

  2. mikemwxs disse:

    “A motivação dos personagens estarem juntos é responsabilidade dos jogadores”, engraçado como isso é tão óbvio mas eu nunca vi por essa ângulo antes, mas o que existem de mestres se virando nos trinta tentando unir aquele grupo caótico de personagens para poder pelo menos começar a aventura! Explodiu minha mente! Hahaha! Muito bom!

  3. Tarcisio Lucas disse:

    Este tema foi muito bacana, e tem muita relação com meu trabalho! Deixa eu explicar: Sou professor de Inglês, e após muito debate pedagógico, consegui substituir as aulas de Conversation – que eram um porre e ninguém aparecia – por sessões de RPG em Inglês. O resultado foi muito bom, com bastante participação, e além de oferecer uma coisa diferenciada para os alunos, eu consegui transformar o RPG em uma parte integrante das minhas tarefas enquanto trabalhador.
    Sou muito grato por isso, até onde eu sei sou um dos poucos privilegiados que tem jogado RPG, de segunda a sábado, todas as semanas pelos últimos 1 ano e meio, como parte das minhas obrigações!
    Cada dia tenho uma hora dessa “Conversation”, e cada dia é dedicado a um cenário: segunda, fantasia, terça, horror, e assim por diante…
    Como eu tenho que balancear os alunos que sempre participam com aqueles que aparecem de vez em nunca, estou SEMPRE começando campanhas novas…muito do que vocês falaram já utilizava; outras, vou começar a usar.
    Thank you very much, guys!

    • Daniel Anand disse:

      Excelente! Sempre imaginei RPG como uma maneira fantástica de melhorar e aprender Inglês. Mesmo pra mim, que já falo inglês a decadas, ainda dou umas travadas quando estou mestrando fora da minha língua nativa. Recomendo fortemente a idéia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *