11
mar

Molten Core: Mastins Anciões

 Escrito por: Daniel Anand em Post

ancient_core_houndSeguindo nossa série de encontros em Molten Core, hoje iremos conhecer um dos moradores frequentes das profundezas do núcleo da Montanha da Pedra Negra, os Mastins Anciões, cães enormes feitos de magma e fogo elemental. O maior deles, Magmadar, líder de matilha dos mastins e animal de estimação do Lorde do Fogo Ragnaros, e protegido por Lucifron. No entanto, vários outros destes cães infernais vagam entre os rios de magma.

As bestas tem a aparência de um bulldog massivo, com duas cabeças, cada uma delas respectivamente esquipada com bocarras com inúmeras linhas de dentes flamejantes. Seu corpo é coberto por uma pela espessa, reforçada por espinhos. Chamas saem do seu corpo, especialmente da coluna, da intersecção das cabeças até o rabo. Eles entendem o idioma Primordial, mas não falam.

Eles são originarios do Caos Elemental, e são usados como proteção e guarda de Molten Core. Costumam evitar os Gigantes de Magma. Golemagg, o Incinerador, é um apreciador das criaturas, no entanto. Uma das bestas foi capturada pelos orcs das partes mais altas da Montanha da Pedra Negra, à serviço do dragão negro Nefarion. Essa besta comeu o gnomo explorador Finkle Einhorn, famoso por suas andanças pelos Vales do mundo.

Em geral usam táticas simples, atacando oponentes obviamente mais ameaçadores. Eles gostam de usar seus corpos enormes para empurrar inimigos na lava, com bull’s rush, ou mesmo agarrar oponentes (até dois de uma vez) com seus dentes. Os Mastins constumam crescer sem limite, sendo Magmadar o mais antigo e, portanto, o maior.

O couro dos Mastins é particularmente raro, especialmente entre os anões do clã Ferro Sombrio, que usam para fazer itens que protegem o usuário do fogo.

Mastim Ancião Bruto de Elite de Nível 18
Besta Elemental Grande (Flamejante) XP 4.000
Iniciativa +13 Sentidos Percepção +13
Dentes Ameaçadores (Medo) aura 3; Os terrenos dentro da aura são considerados difíceis para oponentes.
PV 424; Sangrando 212
CA 30; Fortitude 33, Reflexos 28, Vontade 28
Resistência 15 flamejante; Vulnerabilidade 5 congelante
Testes de Resistência +2
Deslocamento 7
Pontos de Ação 1
:M: Mordida Transpassante (padrão; à vontade)
+22 vs. CA; 2d8+7 de dano; oponentes adjacentes ao alvo e adjacentes ao Mastim recebem 1d10+3 de dano.
:c: Causar Desespero (quando o Mastim ficar sangrando) ♦ Medo
Explosão de Contato 5; +20 vs. Vontade; o alvo fica atordoado.
:a: Cuspida de Fogo (padrão; recarga :5: :6: ) ♦ Flamejante
Explosão 2, Alcance 15; +20 vs. Reflexos, 4d10+7 de dano flamejante e dano conínuo de fogo 10 (TR encerra).
Tendênciaignment Imparcial Idiomas Primordial
Perícias Atletismo +23, Furtividade +18
Dor 28 (+18) Des 18 (+13) Sab 18 (+13)
Con 22 (+15) Int 6 (+7) Car 12 (+10)

Táticas

As táticas dos Mastins são tão simples quanto seus cérebros pequenos conseguem pensar: eles dão carga para o oponente que aparenta ser o maior e mais forte, usando sua mordida transpassante. Ele não se importa de receber ataques de oportunidade, e usará a cuspida de fogo mesmo se estiver em combate corpo-a-corpo. Se for atingido por algum golpe congelante, irá tentar atacar esse oponente, mesmo que leve outros AdO no processo.

Variações

Se quiser variar, ou fazer grupos com Mastins distintos, você pode trocar a mordida transpassante pelo seguinte poder:

:M: Mordida Flamejante (padrão; à vontade) ♦ Flamejante
+22 vs. CA; 2d8+7 de dano mais 5 de dano contínuo flamejante (TR encerra). Caso o oponente já esteja com dano contínuo flamejante, some 5 ao dano contínuo.

Usando os Mastins Anciões

Em Molten Core, coloque os mastins em grupo de pelo menos dois. Você pode agrupá-los junto com as outras criaturas descritas nessa série, como os Molten Giants & Molten Destroyers. Você também pode colocar alguns mastins antes da luta contra Magmadar, o maior de todos os mastins, e assim ir dando o gostinho da nossa próxima criatura na série. Você também pode usar os Mastins fora de Molten Core, como aquele citado no início do post, mas aí tente deixá-los mais únicos.

O que estão achando da série? Dêem seus feedbacks na seção de comentários. E rolem 20 flamejantes!

Tags: , , , ,

Esse post foi escrito em 11th de março, 2009 às 8:10 am na categoria Post. Você pode acompanhar os comentários desse post no feed RSS 2.0. Both comments and pings are currently closed.

12 comentários até agora

Juliano
 1 

Venho só pra dizer que acompanho diariamente o blog e estou gostando bastante. Não jogo 4ª ed ainda, mas gosto de adaptar algumas coisas para a minha campanha.
Parabéns pelo blog e o podCast. Ambos muito bons.
Abraços
P.S.: Até onde eu sei Lava e mágma são a mesma coisa, diferenciando apenas onde se localiza, não? (citando o incício do texto "feitos de lava e magma")

11 de março, 2009 às 8:49 am
Manso
 2 

Nossa, essa série me faz lembrar demais minha época do Wow. Eu jogava quando ainda não haviam expansões, e Molten Core, Blackwing Lair e Onyxia ainda eram tops!

11 de março, 2009 às 9:12 am
Moicano
 3 

Vai colocar também os Core Hounds packs antes do Magmadar que precisavam ser mortos ao mesmo tempo?
Talvez colocá-los como swarm seria uma forma de mostrar que eles precisam ser mortos no AOE :)

11 de março, 2009 às 9:22 am
 4 

Obrigado Juliano! Em relação ao magma e lava, você está correto. Vou trocar para magma e fogo elemental. ;)

11 de março, 2009 às 9:27 am
 5 

Opa! Muito boa as adaptações..como sempre.
abs

11 de março, 2009 às 11:27 am
 6 

Muito bom, por favor lance esse material em um PDF que eu quero mestrar no Game Day!!!

11 de março, 2009 às 1:00 pm
 7 

Não sou muito acostumado com personagens e monstros poderosos, as campanhas que joguei e mestrei sempre foram low-level, mas mais por uma questão do grupo acabar se desfazendo.

Sempre estranho um pouco quando vejo fichas de NPCs e monstros poderosos, minha primeira reação foi quase cair para trás ao ver a quantidade de PVs desse bicho :O mas imagino que um grupo de nível alto consiga lidar com eles.

11 de março, 2009 às 1:03 pm
Bento
 8 

Muito legal a criatura. Voce bem que podia da uma dica do podcast ;)

11 de março, 2009 às 4:45 pm
 9 

[seesmic 33KtTsjnhy|0nuNcghmr0_th1.jpg http://www.seesmic.com/video/33KtTsjnhy seesmic]

11 de março, 2009 às 5:38 pm
DM Rafael
 10 

Cara, assino embaixo. Gostaria muito de comentar algo mais pertinente mas esse nível de oposição é muito acima do que já tive a chance de colocar numa mesa. Agora imagina enfrentar DOIS bichos desses! Imagino que nos níveis paragon, com vários poderes de encontro e alguns diários para torrar, esse desafio seja corriqueiro. Mas daqui de baixo, no quarto andar, eles parecem monstruosos o.0

11 de março, 2009 às 9:12 pm
DM Rafael
 11 

Verdade, sempre rola o problema do PC que se especializou numa área. Quando acontecer de esbarrar numa aventura que as criaturas e o próprio cenário são resistentes aos poderes, isso pode ser um problema. Eu até comentei isso com um dos meus jogadores, que fez uma maga com todos os poderes de fogo possíveis. No dia que ela encontrasse uma salamandra de fogo, lascou!

Talvez a melhor solução é pensar num jeito dentro da história. Quem sabe o warlock não invoca um pacto com uma criatura imortal para transformar seu chama num "fogo frio", por um determinado tempo? Ou o mago pesquise um antigo ritual que tenha um efeito semelhante, mas custe muito caro ou ainda uma varinha de "meta-magia", que permite trocar qualquer elemento por um outro específico.

O importante é fazer com que todas se divirtam. E as vezes a diversão pode ser achar formas de vencer suas próprias limitações sem nenhuma ajuda externa!

12 de março, 2009 às 6:42 am
william
 12 

cara ta muitobom msm
vlw ai

1 de dezembro, 2009 às 2:19 pm

Um Trackback/Ping

  1. Molten Core: Magmadar | Rolando 20 - D&D 4ª edição    25 mar 2009 / 3pm:

    [...] maior de todos os Mastins Anciões, o “animalzinho” de estimação do Lord do Fogo em pessoa, o gigantesco cão do fogo [...]