Monstros do Mundo Real – Mary Tifóide e Pé Grande

MaryOlá Jogadores e DMs!

Eu sei que dei uma sumida nos últimos dias, mas essa semana vai ter monstros para dar e vender! De acordo com a proposta do Vozes da Terceira Terra, vamos aos monstros do mundo conteporâneo em suas versões com as regras do D&D 4ª edição.

Para conhecer melhor esses monstros, escute o podcast do Vozes, e acompanhe aqui no Rolando 20 dessa semana as estatísticas para a 4a edição do D&D.

Para começar, temos a sinistra garota aqui do lado que infecta todos que encontra, a Mary Tifóide. Uma cara inocente e um perigo para qualquer vilarejo de D&D. Além dela, o sempre clássico Pé Grande! Seja uma ameaça para a cidade, seja um aliado disputado pelas tribos Orcs, o Sashquash sempre pode funcionar numa mesa medieval. Vamos as fichas!

Mary Tifóide (ou Typhoid Mary)

Mary Tifóide (ou Typhoid Mary)
Bruto de Elite de Nível 6
Humanoide Natural MédioXP 500
Iniciativa +6Sentidos Percepção +10
Aura do Tifo (doença) aura 1; enquanto estiver na aura, o alvo está enfraquecido e tem -2 em todas as defesas.
PV 176; Sangrando 88
CA 18; Fortitude 19, Reflexos 17, Vontade 18
Imunidade doença; Resistência 20 necrótica; Vulnerabilidade 5 flamejante
Deslocamento 6
Testes de Resistência +2
Pontos de Ação 1
:M: Ataque apodrecedor (padrão; à vontade) ♦ Doença, Necrótico
+9 vs. CA; 2d8+4 de dano necrótico e o alvo contrai Tifo Apodrecente.
Tendência MalignaIdiomas Commum
Perícias Blefe +11, Diplomacia +11, Furtividade +10
For 16 (+6)Des 14 (+5)Sab 12 (+4)
Con 18 (+7)Int 10 (+3)Car 16 (+6)

A doença dela, se pegar depois:

Tifo Aprodrecente
Doença de Nível 6
Sua pele descasca, enquanto pústulas crescem soltando pus por todo o corpo.Tolerância CD 16 estabiliza, CD 20 melhora
Efeito inicial O alvo tem -2 em todas as defesas, e começa todo o encontro enfraquecido (TR encerra).O alvo tem -2 em todas as defesas e está permanentemente enfraquecido.O alvo tem -2 em todas as defesas e está permanentemente enfraquecido. Além disso, qualquer alvo que inicie e termine sua rodada adjacente ao alvo, será infectado pelo Tifo.Estágio Final Morte. A criatura morre, deixando um corpo apodrecido. O efeito de contágio ainda acontece.

Pé Grande

Pé Grande
Bruto Solo de Nível 8
Humanoide Natural GrandeXP 1.750
Iniciativa +7Sentidos Percepção +6, visão na penumbra
Regeneração 5
PV 450; Sangrando 225
CA 22; Fortitude 24, Reflexos 22, Vontade 21
Resistência 5 congelante
Deslocamento 6
Testes de Resistência +5
Pontos de Ação 2
:M: Garras (padrão; à vontade)
+12 vs. CA em dois alvos; 2d6+5 de dano cada.
:M: Mordida (padrão; à vontade)
+12 vs. CA; 1d6+5 de dano e dano contínuo 5 (TR encerra).
:c: Grito da fúria (menor; encontro) ♦ Medo, Psíquico
Explosão de contato 5; +10 vs. Vontade; 2d8+5 de dano psíquico e os alvos são empurrados em até 5 quadrados, e o Pé Grande faz um ataque de investida como ação livre em um dos alvos afetados.
Fúria de sangue
O Pé Grande faz +4 de dano contra alvos que estiverem sangrando.
Contra ataque selvagem (reação imediata, quando acertado por um ataque corpo-a-corpo ; à vontade)
O Pé Grande faz uma Mordida.
Tendência MalignaIdiomas Commum
Perícias Blefe +9, Intuição +11, Intimidação +9, Natureza +11
For 21 (+9)Des 16 (+7)Sab 14 (+6)
Con 18 (+8)Int 10 (+4)Car 11 (+4)

No final dessa série, teremos encontros customizados com cada uma das criaturas, e as táticas apropriadas, não percam!

E Rolem 20!

Sobre Daniel Anand

Daniel Anand, engenheiro, pai de gêmeas e velho da Internet. Seu primeiro de RPG foi o GURPS Módulo Básico, 3a edição, 1994. De lá para cá, jogou e mestrou um pouco de tudo, incluindo AD&D, Star Wars d6, Call of Chuthulu, Vampire, GURPS, Werewolf, DC Comics (MEGS), D&D 3-4-5e, d20 Modern, Star Wars d20, Marvel Superheroes, Dragonlance SAGA, Startrek, Alternity, Dread, Ars Magica e atualmente mestro 13th Age. @dsaraujo no twitter
Esta entrada foi publicada em Oponente e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

30 respostas a Monstros do Mundo Real – Mary Tifóide e Pé Grande

  1. Davi Salles disse:

    Demoramos para colocar posts mas hoje teve dois! e esse aqui tá de alta qualidade!

  2. Franciolli disse:

    Excelente mesmo!
    Imagino uma garota dessa em Baldur's Gate ou Waterdeep.
    Vou fazer a festa.

  3. renatorecife disse:

    Daniel e David, relaxem! Claro que fez falta ter um post novo todo dia, mas ninguém é de ferro, não sei quanto aos outros leitores/ouvintes, mas da minha parte NÃO estou decepcionado com o Rolando20 ou qualquer coisa do tipo.

    • Daniel Anand disse:

      Estamos relaxados, fique tranquilo! 🙂 É mais uma questão de consistência que qualquer outra coisa, mesmo. Da próxima vez que eu for pra praia, aviso a galera! 😉

  4. MB²° Brancalhão disse:

    Rapaz, senti falta de atualizações!! Ainda mais num feriado prolongado!!

    Gostei muito do Pé Grande, vamos ver se rola colocar na minha campanha!!

    Abráss!!

  5. DM_Rafael disse:

    Rapaz, com uma Mary Tifóide dessas acho que nunca gente nem vai se importar de ficar dentro da Aura 1 dela!

    Gostei muito das adaptações. De todos os monstros, o Pé Grande é o que mais teve adaptações pro D&D, mas achei que os poderes que você botou ficaram muito bons. Esse é realmente um inimigo CASCA!

  6. Só me esclarece uma dúvida: a mulher na foto é a Famke Jensen?

    • Jonnathan disse:

      Severo, eu não sei quem é a atriz, mas com certeza não é Famke.

      Edit: O nome da atriz é Natassia Malthe. Acho que fez BloodRayne

      • Marcelo Dior disse:

        O nome do arquivo da foto diz Natassia Malthe. Ela é uma das "atrizes" queridinhas do Uwe Boll, tendo feito BloodRayne II (Substituindo outra "atriz", Kristanna Loken — a T-X de T3 —, como Rayne), DOA (Ayane), e Alone in the Dark II. Mas acho que o Anand usou-a como ilustração da postagem por seu papel de Typhoid Mary (ou apenas Typhoid) no filme Elektra (2005).

        • DM_Rafael disse:

          Olha, pode até ser a Natassia Malthe, mas a foto ta a cara da Famke Janssen (a Fênix dos filmes do X-men, para quem não sabe)! Dá até pra botar naqueles e-mail de "separados no parto".

        • Daniel Anand disse:

          Caraca, o Marcelo rolou 20 em History aqui. É ela mesmo, e usei a foto por causa do Elektra. Mas a idéia é ter uma Mary gostosona, para atrair os bobinhos para a doença, como o DM_Rafael comentou lá em cima! 🙂

  7. Rey_Ooze disse:

    Sabe o que faz a Mary Tifóide? Tifóide.

    Belo post!

  8. DM_Rafael disse:

    A Mary fica muito legal num jogo tipo "Máscara da Morte Rubra", com uma festa no palácio do duque em agradecimento a última aventura e no meio da festa todos começam a passar mal horrivelmente!

    Agora só achei curioso coloca-la como brute e não controller, solo ou algo assim. Em todo caso, ficou muito legal!

  9. Marcelo Dior disse:

    Pelo nível dos dois primeiros monstros, já vi que esta semana teremos postagens excelentes.

    Esse projeto saiu muito melhor que a encomenda, e está sendo muito legal só ver os monstros agora, sem conhecimento prévio deles. Fazer mais um hominídeo monstruoso para o D&D foi um desafio que você, Daniel, se provou à altura. Esse Pé Grande definitivamente se destaca na multidão de monstros do D&D.

    E a Mary Tifóide como Brute foi uma bela surpresa! Estou doido para meus jogadores chegarem nesse nível para eu poder usar ambos os monstros.

    • Daniel Anand disse:

      Eu pensei nela como brute por que ela, em combate, não vai ser furtiva, por isso excluí os lurkers e skirmishers. Achei que o bruto combinava mais com um monstro que faz bastante dano, mas apanha como uma mocinha!

  10. Pô, Pé Grande Solo?! Acho que aí já é exagero!

    • Marcelo Dior disse:

      Ah, eu acho que o Pé Grande é melhor solo mesmo. Ficaria esquisito ele fazendo parte de um grupo de monstros, porque a idéia toda o bicho é ser uma criatura reclusa e fugidia.

      • Concordo, apesar de ser D&D e termos uma tonelada de monstros exóticos se for para usar um Pé Grande tem que ser como Solo e envolto em muito mistério…

  11. Rey_Ooze disse:

    Anand, só lembrando que o termo Close Burst e Close Blast foram traduzidos como Explosão Contígua.e Rajada Contígua, respectivamente.

  12. Pingback: Vozes da Terceira Terra » Sessão 22: Monstros do mundo real

  13. Jonnathan disse:

    Os monstros ficaram muito bem adaptados.

    Eu achei que teria mais sentido o Pé Grande fazer o contra ataque selvagem com o uso das Garras. Lógico que ficaria um pouco mais apelão. Mas aí é problema dos jogadores.. hehe

  14. Rodolfo disse:

    Faço coro com o marcelo, pois, realmente "saiu melhor que a encomenda".

    Valeu e obrigado.

  15. Nossa a Mary Tifóide ficou muito bem adaptada, o engraçado é que estava bolando um monstro parecido para minha campanha e esse post (e a iniciativa do Vozes) caiu como uma luva para mim. Mais uma vez parabéns!

  16. Daniel Anand disse:

    A minha idéia foi deixar quase todo mundo com ongoing damage, aquela coisa de uma batalha bem sangrenta. Mas essa sua opção é válida também!

  17. namorada do Anand disse:

    A febre tifoide é transmitida pela água ou alimentos contaminados com a bactéria Salmonella typhi e os sintomas são menos dramáticos que as pústulas. Existe uma vacina, não muito boa, mas é melhor do que nada, para tomar quando for viajar para regiões sem saneamento básico. Quem quiser mais informações pode ir ao endereço: http://drauziovarella.ig.com.br/entrevistas/mviaj… ou baixar o guia do Ministério da Saúde http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/pdf/gu
    Uma mulher bonita causando essa doença combina perfeitamente com os miasmas e seres sobrenaturais da idade média, o que é perfeito pro mundo do RPG! Um abraço a todos!

  18. Jacktador disse:

    Háháhá´haáhah´ha´h, iamginam enfrentar o Pé grande nas minas Morgul da Terra-Média !!

  19. gamemaster disse:

    Muito boa essa matéira, valew pela dica. RPGVale.co.cc

Os comentários estão encerrados.