Podcast Rolando 20 – Episódio 17 – Warlocks

Episodio-17Olá Jogadores e DMs!

Aqui estamos mais uma vez para um explosivo podcasts Rolando 20, desta vez falando da classe mais sinistra de todas, os bruxos, os Warlocks!

Sejam dos pactos infernais, sombrios, com as fadas ou os reinos distantes, essa classe já transformou numa das favoritas da 4a edição do Dungeons & Dragons. Mais uma vez (um pouco mais aloprados que de costume), Daniel Anand e Davi Salles debulham a última das classes a ser analisada do Player’s Handbook, descrevendo os pactos, os poderes, raças e tudo mais.

Link do Episódio

 

Se vocês quiserem (e puderem) ajudar a manter o site e podcast, ajude na divulgação, ou faça sua próxima de Dungeons & Dragons na Amazon, é só clicar antes aqui!

E queimem os oponentes amaldiçoados por vocês! Rolem 20!

Sobre Daniel Anand

Daniel Anand, engenheiro, pai de gêmeas e velho da Internet. Seu primeiro de RPG foi o GURPS Módulo Básico, 3a edição, 1994. De lá para cá, jogou e mestrou um pouco de tudo, incluindo AD&D, Star Wars d6, Call of Chuthulu, Vampire, GURPS, Werewolf, DC Comics (MEGS), D&D 3-4-5e, d20 Modern, Star Wars d20, Marvel Superheroes, Dragonlance SAGA, Startrek, Alternity, Dread, Ars Magica e atualmente mestro D&D 5E on-line via Fantasy Grounds. @dsaraujo
Esta entrada foi publicada em Podcast e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

33 respostas a Podcast Rolando 20 – Episódio 17 – Warlocks

  1. Franciolli disse:

    Eu acredito que existam algumas referências sobre Warlocks em filmes:
    – Warlock (1989)
    – Os seis signos da luz (2008)

    Em jogo, acho que o mais clássico seja o de Diablo.

  2. Tsu disse:

    esse episodio promete

  3. Rom_Machado disse:

    Harry Potter é warlock! =P

    Agora falando sério: Também vejo as coisas "fey" com influencias de changeling. Acho que tem muita coisa de lá que pode ser usada no roleplay dos warlocks fey.

  4. renatorecife disse:

    Baixando, depois volto pra comentar.

    Putz, pior que não consigo agora me lembrar de nenhum Warlock 😮

  5. Vou confessar, não acho o warlock uma classe striker tão estilosa quanto ela aparenta! Nesse aspecto, gostei mais do sorcerer do PHB2! Aliás, não vejo a hora de vocês começarem a analisar as classes do novo livro! Principalmente o warden! Agora sim eu acho que os anões encontraram sua "classe perfeita" na 4E, ainda mais se escolherem a build de earthspirit!

    • +1 aqui

      Vendo um Warlock de verdade na campanha ele realmente não está tão interessante quanto eu imaginava, já o maldito Avenger está definitivamente dando o que falar, eita bixinho carregado.

      Baixando agora….

  6. Luke_SK disse:

    Esse Granamy parece mais um lagarto cachaceiro do que um dragão, viu, olha o tamanho do barril de cerveja!
    Ih, na verdade, Lukoso sou eu, esqueci de deixar isso claro no e-mail, mal ae!

  7. Hanariel disse:

    Ae D&D o/ (Daniel&David)
    realmente o David ta se soltando xD
    mto bom os podcasts embora eu nao goste
    mto de arcanos xD

  8. renatorecife disse:

    Muito legal, eu tinha ficado meio perdido com lance dos pactos e vocês conseguiram esclarecer muito bem, eu costumava achar que o Fey Pact e o Star Pact eram mais "lights" mas deu pra perceber que o Warlock é sinistro de qualquer jeito.

    Quanto a Warlocks famosos, não acho que Morgana ou as bruxas de contos de fada pertençam a classe, a gente associa por causa do nome "bruxa" mas elas geralmente tão mais pra Wizards ou Druids.

    Enfim, vamos esperar pra ver se nos novels dos cenários aparece algum Warlock que marque presença.

    • Na minha opinião pessoal, acredito que Morgana Le Fey está mais para Druida que feiticeira!

      • renatorecife disse:

        Acho que aí depende da "versão" da lenda do Rei Arthur, se for seguir uma linha mais celta e simpática ao paganismo ela é uma Druida (assim como o Merlin), mas seguindo a linha mais cristã ela e o Merlin seriam Wizards.

        Lembrei de uma Warlock, mas não é nada clássico e ainda é um pouco trash :S na série de TV do Hércules, tem um episódio em que ele e o Jasão relembram a juventude, quando conheceram a Medéia, na série os poderes mágicos dela vinham de um pacto que ela tinha feito com Hera, ela sacrificava homens que abusavam de mulheres para assim manter os poderes que tinha recebido, ela não era uma sacerdotisa (não venerava Hera), ela simplesmente fazia os sacrifícios em troca de poder.

  9. Marcelo Dior disse:

    1:03:48 (Davi) "Um feat que não pode deixar de faltar"?!?

  10. Marcelo Dior disse:

    T = 1:03:48 (Davi) "Um feat que não pode deixar de faltar"?!?

  11. Brenno disse:

    Bom episódio de classes como sempre… Gostei de ver vocês explicando o funcionamento de habilidades e regras junto com dicas de roleplay, pois entendo que dessa forma fica mais conciliável usar as habilidades e opções mecânicas com a interpretação, sem contar que para os varios novatos que chegam para 4E fica mais facil compreender como conduzir uma classe que não tem tantos arquetipos conhecidos.

  12. renatorecife disse:

    Acabei de lembrar de uma ótima Warlock 😀

    É a "Frau Totenkinder" (não sei o nome em português), uma personagem da série Fables da linha vertigo, ela representa todas as bruxas "unnamed" (não identificadas ou não nomeadas) de contos de fada, especialmente a da história de João e Maria.

    Na série é dito que ela fez um pacto com poderes sombrios, ela precisa sacrificar pelo menos uma criança a cada dois anos para manter o seu poder, depois de vir para o mundo mundano o poder dela cresceu imensamente, mas ela afirma para todas as outras fábulas que não faz nada de ilegal ou criminoso para manter seu poder, nunca foi explicitamente citado na série, mas fica subtendido que ela faz abortos de mulheres vítimas de estupro e assim consegue manter o seu poder mágico.

  13. Tsu disse:

    Na mesa q joguei ontem, tínhamos um warlock gnome fey. E a descrição do teleporte dele é igual a do noturno, com cheiro de enxofre e tudo. Não ficou nada gay

  14. Franciolli disse:

    Encontrei warlocks num filme mais recente "O Pacto", acho interessante.

  15. Marcelo Dior disse:

    Será que o Mumm-rá seria um Warlock? Vejamos, ele tem aquela espada de cobras e é super-forte na forma "bombada", mas consegue seus poderes diretamente de "antigos espíritos do mal", representados por aquelas quatro estátuas egípcias em redor do poço, que chegaram mesmo a impedi-lo de tomar uma atitude contrária à vontade deles uma vez.

    Talvez no D&D ele seria um Warlock Dark Pact multiclasse (com o feat «Sucker adept»).

  16. Esse episódio de classe foi o mais útil para mim até o momento, a descrição das possibilidades dos pactos foi ótima e a empolagação do Davi na descrição de alguns poderes foi demais xD
    Realmente é dificil encontrar bons exemplos de Warlocks na literatura e no cinema, pois até o momento eles sempre foram retratados em essência como vilões. A ideia de usar um Warlock como herói em redenção é muito promissora, ou quem sabe um Warlock que acredite estar lidando com uma entidade benigna, mas que na verdade esteja sendo enganado por forças malignas.

  17. Marcelo Dior disse:

    «Seis signos da luz» é um filme fraco feito a partir de um livro infantil. Mas não é infantil legal, como Artemis Fowl ou Harry Potter, é infantil bobo, como Brigada dos Condenados. O filme, vale a pena assistir se for de graça.

  18. Nelio Vieira disse:

    Que achado esse podcast! Gostei muito do formato, esses episódios sobre classes são excelentes. Ainda não ouvi todos, mas estou baixando. Tô passando pros meus conhecidos o link do Rolando 20.

    Uma idéia: gostaria que vcs gravassem episódios especiais de uma campanha/sessão acontecendo, acho que seria interessante, já ouvi alguns assim feitos fora do Brasil.

    Sucesso!!!

    • Daniel Anand disse:

      Só preciso convencer meus grupos, que são meio envergonhados em relação à isso! 🙂 Eu também acho meio chato ficar ouvindo os outros jogar, mas para um especial, quem sabe. Obrigado pela sugestão.

      • renatorecife disse:

        Rapaz, depende do DM e dos jogadores, a sessão de Star Wars SAGA da galera do Vozes da Terceira Terra foi muito divertida de ouvir 😀

        Se os jogadores toparem faz uma experiência, se ficar bom publica, se acharem que tá ruim deixa pra lá, mas que seria interessante seria.

  19. Diel disse:

    Quem já jogou Neverwinter Nights2 tem o Amon Jerro, excelente exemplo de Warlock. E ter fechado o pod cast com ACDC foi perfeito!

  20. Felipe Rocha disse:

    Boa madrugada ADMs e DMs
    Gostaria de informar que estou gostando muito do PodCast Rolando 20, mas como comecei a ouvir a pouco tempo por achar nessa enorme rede de podcasts o eps 17 para mim esta saindo como o 16 e gostaria de saber se não tem como UPAR o eps mais uma vez ???

    Obrigado e continue com o bom trabalho informando novos jogadores e também os mais experientes

  21. Asaradel disse:

    Está saindo como o 16, bugadão :/

Os comentários estão encerrados.