Update de Janeiro do D&D

Saiu hoje o novo update de regras do D&D em Inglês. É um arquivo de quase 2Mb, compilando todas as atualizações de regras, ordenados por livros, desde o lançamento do Player’s Handbook. Além disso, o Character Builder e o D&D Compendium devem ser atualizados no próximo patch. Foi uma atualização pontual, só no PHB básico, mas eles prometem revisão numa penca de livros para Março. O que mudou?

  • Você não pode mais fazer ações livres quando está dominado. Além disso, dominado não deixa mais dazed, explicitamente, embora funcione quase igual.
  • Teleportar oponentes para lugares que causam dano ou fazem eles cair tem um save antes. Se passar no save, o teleporte não funciona.
  • Clarificado que resistências não se acumulam. Resist 10 cold + Resist all 5 só reduz em 10 o dano congelante, e não em 15.
  • A mesma coisa vale para vulnerabilidades, que também foram clarificadas.

Simples e pontual, longe de ser o nerf geral que foi o update de Dezembro. Mas Março promete!

E rolem 20!

Sobre Daniel Anand

Daniel Anand, engenheiro, pai de gêmeas e velho da Internet. Seu primeiro de RPG foi o GURPS Módulo Básico, 3a edição, 1994. De lá para cá, jogou e mestrou um pouco de tudo, incluindo AD&D, Star Wars d6, Call of Chuthulu, Vampire, GURPS, Werewolf, DC Comics (MEGS), D&D 3-4-5e, d20 Modern, Star Wars d20, Marvel Superheroes, Dragonlance SAGA, Startrek, Alternity, Dread, Ars Magica e atualmente mestro 13th Age. @dsaraujo no twitter

Esta entrada foi publicada em Post e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

14 respostas a Update de Janeiro do D&D

  1. Drugue disse:

    Achei bem interessante esse update, apesar de ainda não possuir os livros deu pra ver que eles estão realmente tabalhando pra fazer o jogo cada vez melhor, e isso é muito bom.
    Gostei bastante dessa regra sobre o teleporte, lembra bastante a regra do D&D miniatures que já era bastante usada.
    Em março realmente vai ser uma pancada, muitos livros vão ser revistos, quero só ver…

  2. SharpWalker disse:

    Show! Estava desatento as errat… quer dizer, aos updates! Valeu!

  3. Pingback: Tweets that mention Update de Janeiro do D&D | Rolando 20 - DnD 4ª edição -- Topsy.com

  4. @Pedrestevo disse:

    Só o Moicano foi nerfado.
    =D

  5. Rovalde disse:

    Cara teve gente na minha mesa de jogo que teve que refazer a ficha toda, hehe… mas via de regra os "updates" estão bem razoáveis e com bastante lógica…. ou estarei errado? ¬_¬ ' esperando o próximo update….

    • Daniel Anand disse:

      Orra, porque? Comenta aí!

      • Rovalde disse:

        Hehehe… antes uma das combinações mais apelonas na minha mesa era de um Fighter Tempest que aproveitava uma brecha nas regras pra usar um Urgrosh (!!!) que antes do update era considerado uma arma off-hand – de um lado um machado que causa 1d12 e do outro uma lança que causa 1d6 – além disso ele pegou o paragon path Shock Trooper que aumenta o dano de armas off hand em um tamanho (indo para 2d6/1d8!!!). Em suma, ele comprou o feat pra usar a tal arma, feats para aumentar acerto e dano com ela além de um paragon path que maximisasse a robalheira toda, hehe. No update o urgrosh virou arma de duas mãos e deixou de ser considerado 2 armas off-hand… CRASH!! >_< … mas ele foi o unico na nossa mesa a chorar que nem criança. ^_^

        • Daniel Anand disse:

          E como você lidou com a situação? Nosso fighter ficou mega nerfado com os patches, mas o máximo que permiti foi ele retreinar um feat. 🙂

          • Rovalde disse:

            Bom, ele mesmo veio com algumas sugestões. Tentei não impor muito, mas basicamente ele trocou de armas. Até então apesar de conectadas por uma haste, sempre imaginamos o personagem dele usando 2 armas. Ele escolheu outra arma e todo mundo fechou o olho e fingiu que aquela sempre foi a arma que ele usou, desde o começo. Ele chegou e disse "vai ser uma scourge!"… eu pense "Wtf? Sei lá o que é uma scourge…" mas permiti… a arma dava 1d8 de dano, como Shock Trooper foi pra d10… até que ficou bom. Muito tempo depois descobrimos que era um açoite, uma das armas mais ridiculas de se imaginar alguem usando (que não seja um vilãozinho torturador aleatório, hehe). Ele parou de chorar mas a gente sempre rí imaginando os golpes (e como a descrição dos poderes dele funcionam com esse tipo de arma, hehehe) "Splat! – Uma chibatada bem no lombo do Troll!!!" ^_^'

          • DM Rafael disse:

            Cara, eu já imagino o scourge como arma sedundário do Rei dos Bruxos, o Nazgul do Retorno do Rei. O filme é uma mega flail, mas já vi ilustrações como sendo o açoite. Um outro nome pra essa arma é Flagelo. E um flagelo de 1d10 é algo respeitável!

          • Rovalde disse:

            Hehehehe… é nas mãos do Nazgul até parece ser legal. E descrevendo como uma mega flail parece bem da hora… mas aí vc vê a ilustração no Adventures Vault "This lightweight flail has leather thongs inlaid with sharpened bits of metal or bone." … tipo… são tiras de couro presas em um cabo ou manopla em uma ponta e pontas de ossos ou metal na outra extremidade. É algo parecido com uma chibata ^_^' . Bom, essa é a descrição da 4e, hehe. Segue foto do livro: http://www.imaginauta.com.br/imgs/materias/30_4.j… (imagina um chrage usando essa arma… (ai, deve arrancar uma tira de couro do bixo!!!! 😀 )

  6. Sevandija disse:

    Ótimo post Anand, mas depois teria como postar depois uma versão traduzida dessas atualizações, ou daria muito trabalho!? Vlw 🙂

    • Daniel Anand disse:

      Não é nem questão do trabalho, é a questão da utilidade: quem joga em português já tem os livros com grande parte dos updates, e a Devir tem colocado os updates em português na sua página de D&D, dos suplementos já lançados em português. Quem joga em Inglês, não precisa de versão traduzida, certo?

Os comentários estão encerrados.